Sérgio Mallandro

TEMAS


Sérgio Mallandro



Sergio Neiva Cavalcanti, mas conhecido como (Sérginho Mallandro). É um apresentador de televisão, humorista, cantor e ator brasileiro

Sérgio Mallandro (ou ainda Serginho Mallandro), nascido no dia 12 de Outubro de 1955, ainda morava no bairro da Lagoa, Rio de Janeiro, quando foi descoberto por Silvio Santos, que o colocou em alguns quadros de seu programa dominical. No Cidade contra Cidade, a equipe de Mallandro certa vez teve como tarefa visitar o iate de Roberto Carlos, o Lady Laura.

Com a inauguração do SBT, Mallandro passou a participar do programa de auditório O Povo na TV, que era apresentado por Wilton Franco, Wagner Montes, Christina Rocha e Roberto Jefferson, além do próprio Mallandro.

Obteve grande sucesso nas décadas de 1980 e 1990 com o seu jeito moleque. Foi jurado do programa de auditório Show de Calouros por quase uma década, o que lhe rendeu o Troféu Imprensa em cinco oportunidades.

Nessa época, Mallandro fez alguns filmes. Ele participou das sequências Menino do Rio (1981) e Garota Dourada (1984), além do filme O Trapalhão na Arca de Noé (1983), de Renato Aragão, filmado no período da separação do grupo Os Trapalhões. Mallandro ainda protagonizou o filme As Aventuras de Sérgio Mallandro (1985), que contou com as participações de Pedro de Lara, Mara Maravilha, Alexandre Frota e do grupo Absyntho.

Ainda no SBT, apresentou o programa infantil Oradukapeta, onde criou sua mais famosa atração, a "Porta dos Desesperados". Neste quadro, os participantes escolhiam entre três portas, sendo que atrás de uma delas havia prêmios (brinquedos, bicicletas, etc) e nas outras havia "monstros" fantasiados. Mallandro ainda perguntava se a criança não queria trocar de porta, ou se não queria ficar com um brinquedo ao invés de abrir a porta. É considerado um ícone da cultura trash no Brasil. Outros quadros famosos foram o goleiro Mallandrovisky e o Super Mallandro.
Saída do SBT

Trocou o SBT pela Rede Globo em 1990. Na nova emissora, apresentou o Show do Mallandro após ter participado como aluno do programa Escolinha do Professor Raimundo. Mallandro substituiu a amiga Xuxa no Xou da Xuxa em duas oportunidades, durante as férias da apresentadora. Apresentou com a loira o programa semanal Paradão da Xuxa. A dobradinha se repetiu no cinema, no filme Lua de Cristal, em 1990. Sérgio Mallandro ainda protagonizou os filmes Sonho de Verão (1990) e Inspetor Faustão e o Mallandro (1991), ambos da Xuxa Produções. Em 1993, saiu da Globo e foi para a CNT, onde passou a apresentar o Tudo por Brinquedo, mas após alguns problemas, no ano seguinte, retornou ao SBT para apresentar o Programa Sérgio Mallandro, onde ficou até 1996.

Na Rede Manchete e na TV Gazeta, apresentou os programas Festa do Mallandro, Allegria Geral, Muleke Mallandro, Gallera do Mallandro e Programa Sérgio Mallandro.

Seu programa na TV Gazeta causava controvérsia ao exibir a seu lado modelos seminuas (as chamadas "Mallandrinhas") e ao veicular inúmeras pegadinhas entre populares. Algumas dessas pegadinhas foram consideradas homofóbicas. Mas, depois de tirá-las do ar, Sérgio se desculpou em entrevistas com o público GLBT e reconheceu que as pegadinhas não eram de bom gosto.

Gravou participação especial no CD da banda de heavy metal fictícia Massacration, formada por seus fãs do grupo humorístico Hermes e Renato.
Internação

Em 3 de abril de 2011, Mallandro foi internado no Hospital Barra D'or, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, com um abscesso cutâneo inflamado, e passou por tratamento venoso com antibióticos. A internação provocou um adiamento nas sessões de sua peça teatral, Sérgio Mallandro Sem Censura, que já estavam marcadas. Do hospital, Mallandro fez piada com sua própria situação no Twitter

Temas de Palestras

-Humoristas / Stand up
-Presença Vip
-Mestre de Cerimônias