Eloi Zanetti

TEMAS


Eloi Zanetti



Consultor e palestrante em marketing, comunicação corporativa, criatividade e vendas.

Co-criador da Escola de Criatividade.
Foi diretor de comunicação do Bamerindus (1979 a 1989).
Criador das campanhas O Tempo Passa o Tempo Voa, Gente que Faz, o Banco da Nossa Terra, entre outras. Na ocasião inovou também a comunicação interna do Banco. Premiado dezenas de vezes.
Foi diretor de marketing de O Boticário (1989 a 2000).
Idealizador da linha de comunicação da empresa. Pioneira no marketing de relacionamento no Brasil. Primeira empresa aimplantar ouvidoria e uma das primeiras em CRMs. Criador do conceito e da implantação da Fundação Boticário de Proteção a Natureza. Estabeleceu os padrões de comunicação da empresa, levando-a a ocupar uma das mais cobiçadas posições de marca no país.

Em comunicação, trabalhou também em jornais, rádios, TVs, estúdios de produção, direção de arte, filmes publicitários e documentários. Atualmente tem seu próprio escritório de consultoria e divide seu tempo entre atender clientes, organizar workshop e fóruns sobre vendas, comunicação e criatividade, proferir palestras e escrever livros.

Colunista, com artigos publicados sobre comunicação, marketing e comportamento em diversas revistas e jornais do Brasil. Seus artigos são utilizados por centenas de professores de marketing e comunicação em todo o Brasil.

Ambientalista, foi presidente do Conselho da SPVS – Sociedade para a Preservação da Vida Selvagem, é conselheiro da TNC – The Nature Conservancy, para o Brasil. (ambas especializadas em comprar florestas para conservação) e da Universidade Livre do Meio Ambiente (Curitiba).
Fundador da Casa do Contador de Historias (Curitiba).
Responsável pelo Prêmio Aberje Sul. Instituição que congrega mais de 700 grandes empresas do Brasil na área da comunicação.

Palestra

Com vasta experiência de mercado – mais de 40 anos – Eloi Zanetti ministra palestras e workshops sobre os temas marketing, criatividade, vendas, comunicação corporativa, gestão de marcas e comportamento.

Temas de Palestras

Vender mais e ganhar mais dinheiro com o seu negócio

Síntese:
O pequeno e médio empresário está tão preocupado com o seu dia-a-dia que se esquece ou não tem tempo nem energia para pensar em vendas ou na estratégia do seu negócio.
Uma palestra prática que ajuda o pequeno e médio empresário e especialmente os artesãos a pensar estrategicamente suas vendas. Usamos exemplos, estudamos casos de sucesso e oferecemos sugestões simples para ações de vendas. Já foi realizada com dezenas de grupos por todo o Brasil.

Alguns itens abordados:
- Vender é mais difícil do que fazer
- A cultura da não-venda
- E agora, como é que faço para vender isto?
- Aprendendo a ser comerciante
- Todo artista deve ser um pouco administrador da sua arte.
- É preciso contar uma história, inventar.
- Redes de distribuição
- Administração de parcerias comerciais
- Melhorando os relacionamentos
- Participação em feiras
- Divulgação o produto
- As necessidades básicas no local de produção
- Identificando e trabalhando os principais canais de vendas

Time entrosado para vencer

Síntese:
De tanto organizar workshops e fazer palestras para representantes e vendedores, fui percebendo o que as empresas realmente esperam deles. Esta palestra é um resumo de quase 40 anos de trabalho em vendas. Eloi Zanetti.

São tópicos objetivos em linguagem simples e de fácil compreensão. É o recado que todos os gerentes e diretores de vendas querem passar aos responsáveis pelas vendem. Aborda a necessidade de adaptação às mudanças e fornece elementos para reflexão.

A palestra está dividida em:
Ações gerais e forma de vender.
Atitudes e comportamentos – métodos pessoais.
Ações do dia-a-dia.
Política da empresa.

Objetivos:
Conscientizar os vendedores e representantes sobre a realidade do mercado e das empresas. Aprender a dar atenção às novas circunstâncias do mercado. Perceber as necessidades das mudanças pessoais e profissionais e saber se adaptar a elas. Conscientizar de que as empresas vendem produtos de valor.

Evitar a competição por preço. Aprender a criar motivação para o cliente pagar mais. Buscar novas idéias para a geração e otimização das vendas e atendimento. Promover a melhoria constante da inter-relação entre as equipes e os clientes.

Alguns itens abordados:
O vendedor precisa ter mais envolvimento e comprometimento com o assunto vendas Vender mais para quem já é cliente Vender toda a linha Vender com mais qualidade Aumentar a base de clientes Vender onde não se vende Procurar não entrar em guerra de preços Acompanhar o processo das vendas por inteiro, fazer o pós-venda Não deixar a concorrência gostar do jogo Ser persistente Planejar as vendas Metas são para serem cumpridas e não discutidas Envolver-se no relacionamento empresa – cliente Assumir a atitude de dono do negócio.

Marketing de relacionamento

Síntese:
O mercado mudou. Hoje, o poder de decisão da compra a da venda não está mais na mão do fabricante e sim dos canais de distribuição e dos consumidores. No momento em que as empresas mais necessitam da fidelização dos clientes, eles não querem mais ser fieis a ela. Esta palestra aborda as novas circunstâncias e dificuldades do mercado e faz sugestões práticas para o comportamento e atitudes das empresas e seus colaboradores. Porquê nasceu o marketing de relacionamento e como aplicá-lo com eficiência. São fornecidos exemplos práticos, casos de sucesso e exemplos. Eloi Zanetti foi o introdutor do conceito Marketing de Relacionamento em O Boticário, onde foi diretor de marketing por dez anos.

Objetivos:
Perceber que o atendimento já é um dos grandes diferenciais de marketing. Discutir a importância do relacionamento com os diversos tipos de clientes, inclusive os internos. O papel de cada um dentro deste novo contexto. Funcionários precisam entender as exigências dos novos consumidores. Todos os departamentos devem estar orientados para a função cliente. Aprender o real significado dos conceitos parceria e cumplicidade com os clientes. Aprender a resolver os problemas de comunicação interna e externa. Fornecer elementos de reflexão para motivação responsável.

Trabalhar com agilidade – rápido no pensar, rápido no agir. A criação dos diferenciais – atendimento, comunicação, design e logística. Os novos desafios do marketing: conquistar, manter clientes e desenvolver relacionamentos lucrativos com eles. Desafio para as empresas e seus vendedores: reter o cliente na sua carteira comercial o maior tempo possível e promover vantagens para ambos os lados. Fazer o cliente perceber o seu diferencial de qualidade e pagar por isso. Aprender a pensar com a cabeça do cliente. Como estabelecer um bom conceito de vendas.

Criatividade e a arte da geração de boas ideias

Síntese:
A primeira condição para o profissional ser criativo é se considerar criativo. Por meio de exemplos práticos, histórias e dicas as pessoas são direcionadas ao pensar criativo e inovador.

Objetivos:
Ensinar a desenvolver o pensamento criativo;
Aprender a utilizar a criatividade como ferramenta de trabalho;
Aumentar a capacidade de pensar e conduzir o pensamento;
Usar a criatividade nas atividades da comunicação empresarial;
Aprender a conduzir um brainstorm.

Programa básico:
- A lei do mínimo esforço
- Análise e síntese
- A hora da incubação e da iluminação
- Artifícios para detonar o processo criativo
- O uso de notas
- Desenvolver hábitos criativos
- Perder o medo da crítica e do ridículo
- A busca de estímulos criativos
- Aprender a conduzir o pensamento
- Como elaborar bons conceitos
- Aprender a delirar sem tirar os pés do chão
- A arte de fazer perguntas idiotas
- Desenvolver talento e potencial
- Desenvolver o espírito da curiosidade
- Esforço e concentração
- Para se ter uma boa idéia tenha muitas
- O ambiente criativo
- Destruindo boas ideias
-O que restringe a criatividade

A comunicação como ferramenta de gestão de marketing

Síntese:
Dirigida aos gestores e profissionais de comunicação, gerências, jornalistas, publicitários e profissionais de relações publicas. Tem como objetivo capacitá-los para a gerência das suas atividades. A comunicação pode ser o grande entrave nas empresas e ao mesmo tempo uma das suas melhores ferramentas de gestão. De forma simples, direta e prática fornecemos elementos para o entendimento do processo e o uso das melhores ferramentas da comunicação.

Metodologia/programação
1ª Parte – uma hora e dez minutos
Aulas expositivas com conceitos teóricos e exemplos práticos.
Recursos áudio visuais de multimídia.
2ª Parte – uma hora Debates, perguntas, conselhos.

Conceitos:
- Porque as organizações precisam de comunicação.
- Comunicar é modificar.
- Despertando o senso de pertinência, crença, motivação, liderança, vendas e ações. Estabelecendo uma linha de comunicação para a sua empresa.

Práticas de Gestão:
- Funcionamento e montagem de um departamento interno.
- Relacionamento entre mídia e mercado.
- As ferramentas da comunicação – como e quando usá-las com eficiência. Planos e orçamento de comunicação. Contratação de terceiros, bureau, freelancers, agências. A estrutura de um departamento de comunicação.
- Comunicação como ação.
- Estratégia, tática.
- Como elaborar um briefing.
- Como lidar com redatores, ilustradores, roteiristas.
- Como contratar serviços (fotógrafo, desenhista, redator, grupo de teatro).

Atitudes e Habilidades:
- Porque o gestor da comunicação precisa saber fazer política interna.
- O perfil, a missão e o trabalho do gestor de comunicação.
- A criatividade na comunicação.
- Liderança e comunicação interpessoal.
- Como contar histórias, motivar, vender, construir imagem, agregar, participar, crer.
- Política e relacionamento.
- Como vender a comunicação para a empresa.
- Cultura pessoal.
- Administrando a carreira – a figura do mentor e do espelho.

O que uma empresa espera de seus representantes