Sergio Chaia - Ex-Nextel

TEMAS


Sergio Chaia - Ex-Nextel



O ex-presidente da Nextel Brasil é um estimulador obstinado da comunicação entre pessoas.

Seja na rede de 4 mil colaboradores de sua operadora, seja entre os quase 1,7 milhão de clientes pós-pagos de alto consumo que formam a mais desejada rede de assinantes de telefonia móvel do País, ou mesmo quando vê uma auxiliar passar em frente à sua sala carregando uma travessa e pergunta, com simpático sotaque mineiro: “Ô dona Júlia, e o café, tá novinho?”

Nascido em Belo Horizonte, Sergio Chaia cumpre uma trajetória ascendente em cargos de liderança desde a formação, pela FGV.

Passou por Pepsico, Pfizer, Makro e Johnson & Johnson, até assumir a presidência da Nextel, em janeiro de 2007.

Sob sua liderança, a operadora exibe números distantes de qualquer pessimismo: viu a base de assinantes crescer 41% no último ano e começou 2009 na contramão da maioria dos empregadores, efetivando 200 contratações nos primeiros 32 dias do ano.

Presença constante nos rankings de melhores empresas para se trabalhar, a Nextel já obteve o feito de passar 12 meses com uma única chamada registrada no Procon, onde as empresas de telecom não raro batem recordes de queixas. Dois terços de seus novos assinantes costumam vir de indicações de outros clientes: “A melhor publicidade que existe”, explica Chaia.

O executivo credita esse sucesso à priorização das relações pessoais como meio para se obterem os melhores resultados.

No plano individual, conta que uma evolução da espiritualidade o fez compreender melhor o papel de sua própria existência.

Seu escritório na matriz, em São Paulo, é simples e acessível. Sobre a mesa, fotos da família, pequenas lembranças de viagens, uma foto comemorativa da primeira turma do MBA organizado pela Nextel e dois símbolos indianos montados sobre uma base, com a tradução escrita embaixo: “Doação”.

Em suas palestras Chaia conta sua trajetória e como aprendeu que o autoconhecimento é a competência mais importante para o CEO de uma grande empresa.

Seu sonho, como de vários brasileiros, era o de ser jogador de futebol. Aos 14 anos, teve esse sonho interrrompido para se dedicar aos estudos.

Aos 20, a frustração foi substituída por uma nova meta: ser presidente de uma multinacional antes dos 40 anos.

Batalhou, competiu e chegou lá aos 36. Essa é a jornada de Sergio Chaia, um menino que queria ser jogador e virou presidente de uma das maiores empresas do Brasil.

Mais do que compartilhar histórias reais e lições aprendidas, o palestrante pretende fazer uma provocação e inspiração, de forma a auxiliar os participantes na construção do seu próprio caminho e ir em busca dos sonhos, independentemente de quais sejam.

A palestra relata expectativas, batalhas, escolhas, frustrações, conquistas, erros e recomeços vivenciados por Chaia ao longo da vida.

Temas de Palestra:

- Liderança
- Aprendizados: erros e fracassos nos modelos de liderança
- Formação de times
- Autoconhecimento
- Remuneração emocional
- O líder coach
- Aceleração de Resultados através de um modelo baseado na satisfação de clientes e  colaboradores
- Gestão de pessoas: o que funciona e o que não faria de novo
- Competindo contra os grandes e se diferenciando para crescer

AT 08-09