Roberto Carlos Ramos

TEMAS


Roberto Carlos Ramos



Roberto é Pedagogo, Mestre em Educação pela Unicamp, Pós-Graduado em Literatura Infantil pela PUC-MG, membro da Associação Internacional dos Contadores de Histórias e Valorizadores da Expressão Oral Mundial, sediada em Marselha (França).

Em 2001 foi eleito como um dos dez maiores contadores de histórias da atualidade em Seattle, nos Estados Unidos.

Essa postura positiva perante a vida, com força de vontade e coragem para enfrentar desafios, o qualificou como palestrante de renome internacional. O contador de histórias já proferiu palestras em grandes empresas do Brasil e Estados Unidos.

Em busca da motivação e lição de vida do ex-menino de rua, empresas como a Petrobrás, a Cenibra, a Companhia Vale do Rio Doce, Gerdau do Brasil, Belgo Mineira, O Boticário, Grupo Votorantim, Skol, Godyer, Ipiranga, Fiat, OAB e Sebraes de várias regiões passaram a convidá-lo para falar aos funcionários. Também foi convidado a falar ao Presidente da República durante o governo Itamar Franco.

Entre uma e outra história, Roberto Carlos mostra com bom humor que é possível superar as dificuldades mesmo quando são grandes. Roberto Carlos trabalha com a motivação para fazer com que as pessoas se sintam capazes de mudar as próprias vidas e encarar desafios de forma positiva para superar os obstáculos.

Algumas palestras de Roberto Carlos

Pedagogia do amor


Dedicada aos pais e educadores, a apresentação aborda o tema “A Pedagogia do Amor”, com relatos da infância e da educação que Roberto Carlos recebeu, ambas marcados por fatos peculiares.

O tema aborda vários aspectos da motivação, de como se pode chegar a um resultado educacional favorável estimulando as crianças por meio da educação emociona. Essa palestra tem como princípio a confiança e o resgate do humanismo no processo do ensino.

Inteligências múltiplas

Hoje se entende por inteligência “a capacidade para resolver problemas ou elaborar produtos que sejam valorizados em um ou mais ambientes culturais ou comunitários”. Uma teoria que tem revolucionado os meios educacionais e terapêuticos já há alguns anos.

A novidade dentro da teoria de Howard Gardner é considerar a inteligência como possuindo várias facetas. Tais facetas, que na verdade são talentos, capacidades e habilidades mentais, são chamadas de “inteligências” na teoria das Inteligências Múltiplas, como o próprio nome explicita.

Desta forma, o educador ou qualquer outro profissional que trabalharia com a inteligência, precisaria conhecer melhor cada indivíduo para perceber nele a capacidade que se sobressai. Os resultados provavelmente seriam melhores, pois, a independência pura entre as inteligências não existe e desenvolvendo melhor uma capacidade, outras também seriam afetadas.

Histórias do Folclore Brasileiro

O baú de histórias do pedagogo Roberto Carlos está repleto de personagens que vivem em florestas mágicas do imaginário infantil, como mula-sem-cabeça, duendes e lobisomem. A proposta desta apresentação é um show que promete agradar “crianças” de 8 a 80 anos.

A idéia é levar a todos, histórias do folclore brasileiro que resgatam lendas da memória cultural do país.

Oficina Ensinando a Contar Histórias

Para Roberto, essa é uma oportunidade de educar por meio da inteligência emocional. A iniciativa permite que crianças entrem em contato com histórias de nossa cultura.

“A garotada é estimulada a crias suas próprias fantasias. Daí por diante, é um efeito dominó: estimula-se o senso crítico, a memória e a criatividade – o que é uma forma de ensinar e resgatar as histórias ou o histórico de um povo ou de uma comunidade”.

Contos de Natal

Depois de um ano inteiro de agitações, trabalho, discussões, trânsito intenso, caos urbano, nada melhor que uma noite de reflexão, descanso, muita harmonia e paz. Que tal prepararmos o espírito para a noite maior dos cristãos, preparar a alma para aquilo que consideramos a celebração maior de nossa era, resgatando a tradição e a mensagem maior do convívio humano?

A noite dos contos de Natal propõe tudo isso e algo mais, que é eterna busca de si próprio e a de um sentido maior para a vida. Um espetáculo onde pais e filhos, patrões e empregados, alunos e professores, homens e mulheres de todos os credos e raças poderão vivenciar a fraternidade e a harmonia, os sonhos e vontades dos adultos ou mesmo a fantasia ingênua das crianças.

Celebrar, refletir, e trazer para junto de si uma porção dos nossos antepassados. Um toque de harmonia para as nossas vidas e um alegre final de ano junto de quem se ama.