Tony Ramos

TEMAS


Tony Ramos



Tony Ramos (nome artístico de Antônio de Carvalho Barbosa; Arapongas, 25 de agosto de 1948) é um ator brasileiro. É um dos mais importantes atores nacionais, destacando-se por seu trabalho em telenovelas.

O nome americanizado, Tony, era um costume da época em que estreou na carreira artística, e Ramos o sobrenome de um parente.

Através do personagem Márcio Ayala, de O Astro, Tony protagonizou o primeiro nu masculino em telenovelas brasileiras, apesar da censura existente no regime militar da época.

Biografia

Nascido no interior do Paraná, sua vontade de ser ator surgiu ainda na infância, quando assistia aos filmes de Oscarito e desejava ser como ele. Aos catorze anos, fez sua estréia na televisão, atuando em esquetes no programa Novos em Foco, na TV Tupi. Ainda nessa emissora, fez sua primeira telenovela, A Outra, de Walter George Durst.

Aos dezesseis anos, participou da dupla musical Tony e Tom & Jerry, que chegou a se apresentar no programa Jovem Guarda. Em 1977, após atuar em várias telenovelas na Tupi, transferiu-se para a Rede Globo, em que consolidou uma carreira de sucesso, tendo estreado em Espelho Mágico. Passou, então, a morar no Rio de Janeiro.

Dentre seus memoráveis personagens, encontram-se: o filho de Dona Santa em Nino, o Italianinho (1969); o idealista Márcio Hayalla de O Astro (1977); André Cajarana, que lutava para provar a inocência do pai, em Pai Herói (1979); Tom, contracenando com Sônia Braga, em Chega Mais (1980); os gêmeos João Victor e Quinzinho, de Baila Comigo (1981); o surdo-mudo Abel de Sol de Verão (1982); Riobaldo, o jagunço que se apaixona por Diadorim, interpretada por Bruna Lombardi, em Grande Sertão: Veredas (1985), minissérie adaptada da obra de Guimarães Rosa; Tonico, um tipo amoral, em Bebê a Bordo (1988); o simpático Juca de A Próxima Vítima (1995); Clementino, um dos poucos personagens que fogem à linha de bom moço na carreira de Tony, em Torre de Babel (1998); Miguel, o livreiro romântico de Laços de Família (2000).

Em 1998, Tony conquistou o prêmio de melhor ator do ano em televisão da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) e da TV Press - este numa eleição realizada entre oitenta editores de cadernos de TV no país -, por sua atuação como Clementino, de Torre de Babel, personagem bastante polêmico, que iniciou a história preso, por ter assassinado a mulher ao descobrir que ela o traía, e depois regenerou-se ao lado de um novo amor. Além disso, pelo mesmo papel, foi eleito o melhor ator de 1998, segundo a pesquisa InformEstado.

Na Rede Globo, o ator também participou do programa A Comédia da Vida Privada e apresentou o Você Decide. Além das telenovelas, Tony atuou em mais de oitenta teleteatros e mais de vinte peças, destacando-se Quando as Máquinas Param (1970), de Plínio Marcos; Cenas de um Casamento (1997), de Ingmar Bergman, em que contracenou com Regina Braga; o musical Meu Refrão Olê Olá, baseado na obra de Chico Buarque, em que interpretou o travesti Geni.

No cinema, dentre outras produções, atuou em Pequeno Dicionário Amoroso (1997), de Sandra Werneck, e Bufo & Spallanzani (2000), dirigido por Flávio Tambellini. Conquistou o prêmio de melhor ator no Festival de Gramado justamente por esse último trabalho.

Em 2001, voltou a ser eleito o melhor ator do ano em televisão pela APCA, dessa vez por seu trabalho em As Filhas da Mãe.

Tony Ramos é considerado por seus colegas de profissão como uma pessoa íntegra e bem-humorada. Além disso, tem um dos casamentos mais estáveis do meio artístico. Casou-se em 1969 com Lidiane, com quem tem dois filhos: Rodrigo, médico, e Andréa, advogada.

Carreira

Na televisão

* 1965 - A Outra .... Vevé (TV Tupi)

* 1967 - Os Rebeldes (TV Tupi)

* 1968 - Antônio Maria .... Gustavo (TV Tupi)

* 1969 - Nino, o Italianinho .... Rubinho (TV Tupi)

* 1970 - Simplesmente Maria .... Toninho (TV Tupi)

* 1970 - As Bruxas .... Tito (TV Tupi)

* 1971 - Hospital .... Luís Carlos (TV Tupi)

* 1972 - Na Idade do Lobo (TV Tupi)

* 1972 - Vitória Bonelli .... Tiago Bonelli (TV Tupi)

* 1973 - Rosa dos Ventos .... Quico (TV Tupi)

* 1974 - Ídolo de Pano .... Luciano (TV Tupi)

* 1974 - Os Inocentes .... Marcelo (TV Tupi)

* 1975 - A Viagem .... Téo (TV Tupi)

* 1976 - O Julgamento .... Lico (TV Tupi)

* 1977 - O Astro .... Márcio Hayala

* 1977 - Espelho Mágico .... Paulo Morel/Cristiano

* 1979 - Pai Herói .... André Cajarana

* 1980 - Chega Mais .... Tom

* 1981 - Baila Comigo .... João Victor Gama/Quinzinho (Joaquim Miranda)

* 1982 - Sol de Verão .... Abel

* 1983 - Champagne .... Nil (Nilson)

* 1984 - Livre para Voar .... Pardal (Paulo Alberto Ramos de Almeida Lima)

* 1985 - Grande Sertão: Veredas (minissérie) .... Riobaldo

* 1986 - Selva de Pedra .... Cristiano Vilhena

* 1988 - Bebê a Bordo .... Tonico Ladeira

* 1988 - O Primo Basílio (minissérie) .... Jorge Carvalho

* 1990 - Rainha da Sucata .... Edu (Eduardo Figueroa)

* 1991 - Felicidade .... Álvaro Peixoto

* 1991 - O Sorriso do Lagarto (minissérie) .... João Pedroso

* 1993 - Olho no Olho .... padre Guido

* 1993 - O Mapa da Mina

* 1995 - A Próxima Vítima .... Juca Mestieri (José Carlos Mestieri)

* 1996 - Anjo de Mim .... Floriano Ferraz

* 1996 - A Vida como Ela É

* 1998 - Torre de Babel .... José Clementino da Silva

* 2000 - Laços de Família .... Miguel Soriano

* 2001 - O Clone .... namorado de Maysa (participação especial)

* 2001 - As Filhas da Mãe .... Manolo Gutiérrez

* 2003 - Mulheres Apaixonadas .... Téo (Teófilo Ribeiro Alves)

* 2004 - Cabocla .... coronel Boanerges de Sousa Pereira

* 2005 - Belíssima .... Níkos (Nikolaos) Petrákis

* 2005 - Mad Maria (minissérie) .... Percival Farquhar

* 2007 - Paraíso Tropical .... Antenor Cavalcanti

* 2008 - Faça Sua História .... Passageiro

* 2008 - Duas Caras .... ele mesmo

* 2009 - Caminho das Índias .... Opash Ananda

No cinema

* 1968 - O Pequeno Mundo de Marcos .... Tony

* 1971 - Diabólicos Herdeiros

* 1976 - Ninguém Segura Essas Mulheres .... Gugu (episódio: Pastéis para uma mulata)

* 1984 - Noites do Sertão .... Miguel

* 1987 - Leila Diniz .... sr. Diniz

* 1989 - Minas-Texas

* 1997 - O Noviço Rebelde .... Filipe

* 1997 - Pequeno Dicionário Amoroso .... Barata

* 2001 - A Partilha

* 2001 - Bufo & Spallanzani .... Guedes

* 2002 - Era Uma Vez... no Brasil

* 2006 - Se Eu Fosse Você .... Cláudio/Helena

* 2008 - Se Eu Fosse Você 2 .... Cláudio/Helena

No teatro

* 2002 - Novas Diretrizes em Tempos de Paz - oficial da alfândega/ex-torturador da polícia política de Varga

 Temas Palestras

- Responsabilidade Social

- Presença Vip