Radamés Lattari

TEMAS


Radamés Lattari



Radamés Lattari é um ex-treinador de voleibol do Brasil. Atualmente é CEO da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV).

Em sua carreira de treinador, conquistou 23 títulos, tornando-se um dos mais respeitáveis treinadores do cenário nacional.

No comando da Seleção Brasileira de Voleibol Masculino, sagrou-se campeão da Copa do Mundo de Voleibol em 1997, além de vencer dois títulos da Copa América de Voleibol e dois Campeonatos Sul-Americanos de Voleibol Masculino. Nas Olimpíadas de Sidney, conseguiu alcançar o sexto lugar. No período entre 2001 e 2002, Radamés acumulou uma importante passagem como superintendente da CBV.

Os primeiros passos de Radamés no vôlei foram dados na Praia de Copacabana, onde passava as manhãs dos finais de semana jogando numa rede em frente à Rua Bolívar.

A paixão pelo esporte aumentou quando assistiu um treino dos seus colegas do Colégio Santo Inácio, que jogavam no Botafogo de Futebol e Regatas. Lá conheceu Bebeto de Freitas, o então levantador da Seleção Brasileira e treinador do infantil e do infanto-juvenil do clube. No Botafogo, Radamés jogou dos 13 aos 16 anos e depois viria a receber o convite de Bebeto para ser seu auxiliar no comando treinador do time. Quando Bebeto viajava a serviço da Seleção Brasileira, Radamés assumia a função de treinador no lugar do levantador.Radamés Lattari teve uma carreira extensa como treinador, passando por grandes clubes do Brasil e do exterior.

Ele ainda foi um dos poucos a conseguir ser campeão estadual em seis estados diferentes: RJ, SP, MG, SC, AL e DF. No Brasil, foi treinador das seguintes equipes: Botafogo, Flamengo, Tijuca Tênis Clube, Hygia, CRB de Alagoas, América, Atlântica Boavista, Clube Atlético Mineiro, Lufkin, Canto do Rio, AABB Brasília, Cimede Florianópolis e treinador das seleções cariocas infanto, juvenil e adulta.

No exterior, comandou times da Itália e de Portugal: Leixões de Portugal, Olimpia Santo Antioco Sardegna na Itália, Trentino Volley, Taranto Volley Itália, Martina Franca Volley e Castellana Grotte Itália.

Pela Seleção Brasileira de Voleibol Feminino, Radamés Lattari foi assistente técnico de Enio Figueiredo de 1981 a 1984 e supervisor técnico entre 1995 e 1996, quando Bernardinho era o treinador. Na masculina, foi treinador de 1997 a 2000.

Temas de Palestra:

- Trabalho em equipe/ Disciplina
- Motivação.
- Liderança
- Competitividade
- Superação de Desafios/ Mudanças
- Treinamento e Desenvolvimento
- Esportes

AT 10-09