Camila Pitanga

TEMAS


Camila Pitanga



Camila Pitanga, nome artístico de Camila Manhães Sampaio, é uma atriz e ex-modelo brasileira Que iniciou sua carreira em 1984, aos seis anos de idade, foi figurante no filme Quilombo, de Cacá Diegues. Aos 11 anos tornou-se "Clubete", uma das assistentes de palco da apresentadora Angélica no Clube da Criança, da extinta TV Manchete. Estreou na TV com a minissérie Sex Appeal, e logo em seguida participou da novela Fera Ferida, ambas de (1993). No cinema, seu primeiro trabalho foi no longa-metragem Super Colosso (1995).

Em 2000 ganhou seu primeiro papel de destaque, a índia Catarina Paraguaçu, na microssérie A Invenção do Brasil. Nesse mesmo ano, foi uma das protagonistas da série Garotas do Programa, ao lado de atrizes como: Mariana Hein, Zezé Polessa, Betty Gofman, Drica Moraes e Marília Pêra. No ano seguinte interpretou Esmeralda, na novela Porto dos Milagres.

Em 2002 protagonizou a minissérie Pastores da Noite, exibida dentro da série Brava Gente, e em 2003, atuou como a médica Luciana, de Mulheres Apaixonadas, onde fazia par romântico com Rodrigo Santoro, seu primo na trama. Os dois demonstraram bastante química juntos, as cenas de amor versus ódio fazem sucesso até hoje no Youtube, bem como o jargão, "Amor de primo não acaba nunca", embalada pelo sucesso "Amor Maior" do Jota Quest. Em 2005 despontou em Belíssima como Mônica Santana, irmã do personagem André.

Em 2007, após a recusa da atriz Mariana Ximenes para interpretar a prostituta Bebel de Paraíso Tropical, foi escalada para o papel, tendo conseguido bastante destaque com a personagem. Bebel foi sua segunda antagonista e um dos principais fatores do sucesso da novela. O autor Gilberto Braga chegou a duvidar que Camila conseguiria desempenhar bem o papel, que lhe rendeu bastante elogios, várias indicações e prêmios de Melhor Atriz.

Bebel representa um divisor de águas em sua carreira, que lhe consagrou e a colocou no time dos principais atores do casting da Globo.

Em 2008 apresentou o musical Som Brasil e substituiu a atriz Luana Piovani no seriado dominical Faça sua História. Entre 2009 e 2010 viveu sua primeira protagonista de novelas, a ex-empregada Rose, em Cama de Gato, novela de Duca Rachid e Thelma Guedes.6

Em 2011, atuou em Insensato Coração, como a publicitária Carol, fazendo par romantico com André Gurgel, personagem de Lázaro Ramos, com quem tem um filho, mas envolve-se também com o personagem Raul Brandão, vivido por Antônio Fagundes.

Em 2012, retornou como apresentadora do Som Brasil e foi escalada para protagonizar a novela Lado a Lado, junto a Marjorie Estiano.

Em 2013 a atriz, fez uma temporada de ensaios pelo sertão nordestino com a peça O Duelo uma adaptação feita por Aury Porto da obra de Anton Tchékhov, onde passou alguns meses pelas cidades de Iracema, Arneiroz e Lavras da Mangabeira (ambas cidades do interior do Ceará). Camila junto com todo elenco levaram cultura em forma de teatro à comunidades de menor porte e para a maioria das pessoas que nunca tiveram a oportunidade de assistir uma peça de teatro de perto.

Em 2015, interpreta a protagonista Regina da novela Babilônia de Gilberto Braga, Ricardo Linhares e João Ximenes Braga.

Em 2016, interpretou Maria Teresa na novela das 21 horas, Velho Chico de Benedito Ruy Barbosa, sua segunda protagonista do horário nobre. Também co-dirigiu com Beto Brant o documentário Pitanga, sobre seu pai Antônio, que foi premiado como melhor filme brasileiro na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo. Ainda em 2016 com o término da novela Velho Chico, Camila e todo elenco de O Duelo retornaram às cidades onde estiveram em 2013 no sertão nordestino (Iracema, Arneiroz e Lavras da Magabeira) para apresentarem a peça da mesma maneira que foi apresentada nas principais capitais do Brasil e também fora dele, sabe-se que em 2013 a temporada nas cidades foram apenas ensaios.     

Em 2017, estrelou o penúltimo episódio da série do GNT, Palavras em Série interpretando a poesia de Hilda Hilst.

Em 2018, a atriz se junta ao time de apresentadores do Criança Esperança e retorna a teledramaturgia, na série de Estela Renner e Marcos Nisti, Aruanas, no papel da vilã, Olga.

Atualmente é a apresentadora do Superbonita e segue fazendo seus papeis como Presença VIP e Mestre de Cerimônias. 

Tipos de Trabalhos:

- Celebridades / Atores
- Mestre de Cerimônias
- Presença Vip

AT 12-09