NÃO É SORTE, É METODO.

NÃO É SORTE, É METODO.


Sei que existem pessoas que acreditam que o sucesso de alguns profissionais se dá por sorte ou porque alguém ajudou. Quando você vê a pessoa no topo, você não consegue imaginar o quanto ela se esforçou para chegar até lá.

Mas eu queria dizer uma coisa para você. Por mais que tenha alguma sorte no meio do caminho, ela nunca foi o principal fator para se ter sucesso. O que mais importa é a preparação, o método e o trabalho. Muito trabalho.

Na minha primeira palestra, há cerca de 11 anos, eu cobrei apenas R$800 reais. E não fiquei com nenhum lucro, pois esse valor foi o que utilizei para custear as passagens, hotel e alimentação. Também já realizei mais de 200 palestras de graça, a fim de obter mais reconhecimento e agregar na minha carreira e no método que eu estava construindo para conseguir os resultados que eu tanto almejava.

Além disso, eu quis reposicionar minha carreira. Arrisquei uma mudança no ano passado, em que deixei de ser coach para me tornar um educador executivo, por um simples motivo: a abordagem de coaching passou a ser apenas uma das abordagens que eu faço. Então como educador executivo eu tenho o coaching como ferramenta, mas também tenho a mentoria, a consultoria, a formação de liderança, o desenvolvimento de processos de gestão, entre outras ferramentas.

Estou falando tudo isso para mostrar que eu trabalhei muito, mas muito mesmo para chegar aonde cheguei. E quero dizer que não é porque você fará o meu curso de Formação de Educadores Executivos, que você irá se tornar milionário no primeiro ano, e nem quero prometer isso.

Eu irei entregar todos os meus materiais e conhecimentos para você se tornar um grande educador executivo. Te ensinarei a criar palestras, aplicar treinamentos, a diagnosticar os problemas das empresas e como resolvê-los, prospectar clientes, entre outros assuntos. A partir desta formação, você irá criar o seu método de trabalho para alcançar os resultados que você deseja.


TEMAS